domingo, 2 de dezembro de 2012

Plano de aula - perguntas e respostas

Caros amigos

Venho notado que o momento de planejar sempre causa ansiedade, desconforto e não raro, falta de vontade. Já conversamos por aqui sobre isto em outras postagens. Mas é um fato sempre recorrente, sejam educadores com décadas de experiências ou iniciantes na arte de educar.
Assim, convém falar sobre alguns aspectos que podem facilitar ou nortear um pouco este processo, a partir dos questionamentos feitos pelos educadores e estudantes de pedagogia e licenciatura que têm feito parte da minha história.

01. Sempre que sento para planejar, não sei por onde começar. Tenho dificuldade de dá o primeiro passo, e perco muito tempo pensando. Como posso resolver isso?

Caros, geralmente quando não se está presa à tarefa de redigir, em momentos do cotidiano, são diversas as ideias que surgem para a realização das aulas. Basta sentar para escrever, que elas se desordenam, ficam embaralhadas, rodopiando na mente, sem encontrar o fio condutor. Por isso, segue uma dica:
Par qualquer ato de planejar, seja uma aula, um ano letivo, uma oficina ou simplesmente uma viagem, tente responder estas perguntas:
O que?
Porquê?
Para que?
Como?
Quando?
Onde?
Quais os resultados desejados?
Respondendo estas questões, você terá encaminhados:
Tema
Justificativa
Objetivos
Metodologia
Avaliação
Assim, ficará mais fácil desenvolvê-los, pois já terá de onde partir, para iniciar a sua escrita.

02. Tenho que fazer o planejamento anual. Mas tenho percebido que no processo, sempre modifico muito o plano. Fico perguntando: para que planejar tudo com tanta antecedência?

Bem, quem se antecipa, se previne. Tem tempo para se preparar, com materiais didáticos, estudo, pesquisa, espaços, provisões, etc. Mas não podemos esquecer que a aula é um fazer humano, dinâmico e vivo. Por isso, o planejamento deve ser flexível. Porque deve contar com as mudanças que vão ocorrendo ao longo do processo.
Não se angustie com a feitura de um plano impecável, sem rasuras e erratas. O cuidado com a estética é imprescindível. Contudo, mais imprescindível ainda é o cuidado com as pessoas, os sujeitos deste processo.
Portanto, convém se perguntar:
- Será que o meu plano está adequado à realidade dos educandos? Aos seus níveis de aprendizagem, seus interesses e necessidades?
- Será que meu plano está adaptado às condições físicas e financeiras do espaço que será utilizado?
- Será que o material previsto será disponibilizado no tempo necessário à execução do plano?
- Será que consulto meu plano sempre com antecipação e revejo os seus resultados após a aula?
- Será que esqueço o plano no arquivo, na gaveta e no momento improviso?

Convém refletir um pouco sobre estas posturas. Porque quando fazemos um planejamento bem direcionado, as modificações não são tão recorrentes assim. Tenta responder estes "serás". Poderá encontrar respostas para todas as fazes do planejamento. Pensar, fazer, executar e refazer.

03. Não consigo desenvolver os objetivos. Sempre fico em dúvida sobre quais verbos utilizar e em que tempo utilizo. Como pode me ajudar?
Para a realização dos objetivos, comece se perguntado "por quê e para que" você escolheu determinado tema ou conteúdo. Porque  o educando deve aprender determinado tema? Para fazer o que com isso?
Nestas respostas, irá encontrar as habilidades, competências, os procedimentos, conteúdos e atitudes que deseja que os educandos alcancem. Por isso, os verbos devem exprimir o fazer, o pensar e o ser desejados.
Para mais detalhes, veja a postagem a seguir:
http://educadoresdesucesso.blogspot.com.br/2011/06/planejamento-cuidados-e-intensoes-na.html
e mais detalhes a seguir:
http://educadoresdesucesso.blogspot.com.br/2011/01/planejamento-pensando-nos-objetivos.html
http://pt.scribd.com/doc/16712518/VERBOS-PARA-A-ELABORACAO-DOS-OBJETIVOS

04. Como elaborar a metodologia?
Bem, a metodologia está atrelada à relação dinâmica pensar-fazer; ao processo de aprendizado em si, no espaço da aula. Neste ponto, convém sempre retornar aos objetivos, para verificar se as ideias que emergem vão auxiliar no alcance destes objetivos.
É bastante comum também, se pensar antes na metodologia. Isso porque, ao imaginarmos a aula, eclodem diversas ideias; imaginamos a cena da aula. É importante que se registre estas ideias. Em seguida, vai se pensando: a qual objetivo esta prática se adéqua? será esse o momento de utilizar essa técnica? Será possível conseguir o material didático necessário? Posso substituí-lo?
Assim, você vai construindo seu fazer pedagógico. Para saber mais sobre metodologia, acesse:
http://educadoresdesucesso.blogspot.com.br/2012/02/sala-de-aula-um-espaco-para-aprender.html
http://educadoresdesucesso.blogspot.com.br/2011/02/o-que-e-metodologia.html

05. Como redigir a avaliação? Fico perdida neste momento.
Neste espaço devem conter os tipos de avaliação que serão realizadas. Estas avaliações devem estar coerentes com a metodologia e com a forma de pensar educação. Assim, se a forma predominante é processual, não convém aplicar uma avaliação escrita final com pontuação máxima, que defina a qualificação do aluno. Convém pensar em formas de avaliar que explorem a autonomia dos educandos e o autoconceito por eles elaborados. Sejam estas avaliações, para diagnosticar, medir, mensurar ou promover.
Para saber mais:
http://educador.brasilescola.com/orientacoes/avaliacao-para-inclusao.htm

Caros, desejo que tenha colaborado um pouco com as vossas práticas educativas.
Façam maravilhosos planejamentos. Se deliciem!!! Se encantem!!!
Saudações fraternas!



4 comentários:

Educadores Multiplicadores disse...

Olá Multiplicadora Neurelita, estamos felizes por você fazer parte deste projeto. Como prometido, seu blog já foi divulgado. Fizemos de coração, esperamos que goste!

Aqui está o link da publicação:
http://www.educadoresmultiplicadores.com.br/2012/12/multiplicador-educadores-de-sucesso.html

Faça uma visitinha especial ao blog Educadores Multiplicadores, abra as páginas e veja como ficou sua divulgação.

Multiplicadora, (se quiser) escreva um pequeno post mostrando sua chegada ao Educadores Multiplicadores.

E já sabe, seu blog poderá ficar em evidência todos os meses, conforme as regras da parceria (saiba tirar proveito dessa parceria dinâmica).

http://www.educadoresmultiplicadores.com.br/2012/06/seja-um-educador-multiplicador-divulgue.html

Conheça mais o blog Marquecomx (ele é parte da parceria):
http://www.marquecomx.com.br/

Parabéns pelos excelentes textos, fiquemos na Paz de Deus, abraço e até breve!

Rosangela Vali disse...

Olá educadora!
Que belo blog e trabalho que desenvolve.Tem muito material rico.Estarei sempre por aqui para curtir e aproveitar suas sugestões e novidades.
Também sou educadora emultipliocadora.Podes contar comigo.Um abraço e feliz 2013.
www.rosangelaprendizagem.blogspot.com
rosangelavalipsicopedagogia.blogspot.com

Gracita disse...

Olá Neurelita
Vim do Educadores Multiplicador para conhecer e apreciar seu belo trabalho. Você disponibiliza um material riquíssimo. Parabéns!
Espero construirmos em breve um forte laço de carinho e amizade.
Que em 2013 você realize todos os seus projetos e concretize todos os sonhos. Te aguardo para uma visitinha. http://gracitamensagens.blogspot.com.br/
Um abraço carinhoso
Gracita

Anônimo disse...

Parabens! me ajudou muito.
Adriana

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...